sexta-feira, 8 de abril de 2016

GILMAR MENDES CONCEDE HC AO MAIOR FICHA-SUJA DO PAÍS

Todo advogado diz que cabeça de juiz ninguém sabe prever o que pode sair, o ministro Gilmar Mendes sempre surpreende o pais quando aceita casos em que deveria se declarar impedido. Ele sempre atende os amigos e quando é com petistas ai ele usa força da Lei. 

GILMAR MENDES CONCEDE HC AO MAIOR FICHA-SUJA DO PAÍS

:

Ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, deferiu habeas corpus impetrado pela defesa do ex-deputado José Riva; ex-presidente da Assembleia Legislativa do Mato Grosso foi preso em outubro de 2015, apontado como chefe de um suposto esquema que teria desviado cerca de R$ 2 milhões do Legislativo, por meio da verba de suprimento de fundos; previsão é de que José Riva deixe o Centro de Custódia de Cuiabá (CCC) nesta sexta-feira 8, data do seu aniversário de 57 anos; em julho de 2015, o ministro Gilmar Mendes havia concedido HC a José Riva
8 DE ABRIL DE 2016 ÀS 14:02


Do Midianews - O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), deferiu habeas corpus impetrado pela defesa do ex-deputado José Riva, na noite desta quinta-feira (7).

O pedido foi feito pelo advogado do ex-parlamentar, Rodrigo Mudrovitsch, no dia 21 de março passado.

Por decisão do presidente do STF, Ricardo Lewandowski, o pedido de habeas corpus foi encaminhado ao ministro Gilmar Mendes, que o deferiu nesta quinta-feira.

O advogado Rodrigo Mudrovitsch disse que a defesa técnica confirma que a decisão pelo STF atendeu ao argumento de que a liberdade do ex-presidente da Assembleia "não afronta a ordem pública e nem atrapalha a instrução penal".

Riva está preso desde 13 de outubro de 2015, quando foi deflagrada a segunda fase da "Operação Metástase", que investiga um suposto esquema de desvio de dinheiro da Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

A previsão é de que o ex-deputado deixe o Centro de Custódia de Cuiabá (CCC) nesta sexta-feira (8), data do seu aniversário de 57 anos.

A defesa aguarda a comunicação da decisão à Justiça de Mato Grosso. E a ordem de soltura deverá ser cumprida pela Secretaria de Justiça e Direitos Humanos.

O habeas corpus, inicialmente, foi distribuído ao ministro José Dias Tóffoli, que o submeteu ao presidente do STF, Ricardo Lewandovski.

Em julho de 2015, o ministro Gilmar Mendes havia concedido HC a José Riva.

O ex-deputado foi preso na 2ª fase da "Operação Metástase", em 13 de outubro de 2015.

O ex-presidente da Assembleia é apontado como chefe de um suposto esquema que teria desviado cerca de R$ 2 milhões do Legislativo, por meio da verba de suprimento de fundos.


Também foram presos preventivamente operação os ex-chefes de gabinete Maria Helena Caramelo (já em liberdade) e Geraldo Lauro (prisão mantida pelo Tribunal de Justiça).

Do site BRasil247

Nenhum comentário: