domingo, 26 de junho de 2016

Fui atendido por um médico Cubano

Sabado 25/06/2016 Guarulhos São Paulo Brasil

Depois de quatro dias sofrendo de dor nas costas, fui ao pronto socorro dona Luisa aqui no bairro dos pimentas em Guarulhos SP, entre a checagem avaliação medição de pressão esta coisas antes de chegar no médico levou uma hora e meia não muito diferente de atendimento em outros hospitais e ou clinicas particulares, enquanto aguardava o médico percebi que os pacientes demoravam um tempo maior do que o de costume dentro do consultório, chega minha vez o médico um senhor quase cinquentão me cumprimenta manda sentar e pergunta o que estou sentindo, expliquei minha a dor e o local onde dói, ele me faz uma série de outras perguntas e dá o diagnostico problemas na musculatura da costa e explicando o porque do diagnostico; coisas como idade o clima e as alterações de temperatura a reação do corpo em função do tipo de trabalho, descartou o que eu achava que seria dor nos rins explicou o porque não era ainda teve tempo para discorrer sobre as alterações que ele acha que os humanos estão sofrendo em função da alimentação que esta nos tornando cada vez mais doentes e obesos.
Este medico que pelo sotaque imagino ser um do Cubanos enviados a nossa cidade me atendeu como se fosse o primeiro paciente do dia, durante a hora e meia que aguardei mais de trinta pessoas passaram por ele acredito que a atenção foi igual.
Tenho passado por médicos brasileiros a muitos anos e na maioria das vezes a gente percebe a antipatia o enfado e uma certa distancia destes profissionais em relação ao paciente.
Se esta for a maneira cubana de atender seu povo espero que eles deixem o legado aos seus colegas brasileiros porque aqui no Brasil infelizmente há médico que se acha no direito de não atender uma criança em função da opção politica dos pais e o dirigente do sindicato dos médicos declara apoio a esta atitude criminosa.

O programa mais médicos lançado no governo Lula e Dilma é um sucesso e tem atendido milhões de brasileiros nas cidades onde atua aproximadamente mais de 10000 médicos vieram de Cuba e são todos excelentes profissionais segundo relatos vindo de todo o pais.
O programa mais médicos assim como todas as políticas sociais de Dilma e Lula corre sério risco de não ser renovado devido o golpe parlamentar que o pais sofreu onde uma quadrilha de bandidos tomou de assalto o poder sendo chefiados por Michel Temer e seu sócio Eduardo cunha.

Nenhum comentário: