quarta-feira, 15 de março de 2017

LULA OBTEVE VITÓRIA JURÍDICA E POLÍTICA NO DEPOIMENTO

POR: KENNEDY ALENCAR

                        

"As perguntas do juiz e do Ministério Público indicaram pouca materialidade e inconsistência contra Lula no processo que tramita em Brasília e que apura eventual obstrução de Justiça _tentativa de impedir a delação premiada de Nestor Cerveró, ex-diretor da Petrobras", disse o jornalista Kennedy Alencar sobre o depoimento do ex-presidente Lula nessa terça-feira, 14; segundo o jornalista, as indagações sinalizaram que o processo estaria todo baseado na palavra do ex-senador Delcídio do Amaral; "O ex-presidente deu um depoimento de impacto ontem, negando com veemência as acusações de Delcídio e respondendo com seguranças às perguntas, algumas delas até pueris. Ele obteve uma vitória política e jurídica"

247 - O colunista político Kennedy Alencar afirmou nesta quarta-feira, 15, que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva obteve uma vitória "jurídica e política" na ação penal em que é acusado de obstrução da Justiça. Lula prestou depoimento à Justiça nessa terça-feira, 14, em Brasília.

"As perguntas do juiz e do Ministério Público indicaram pouca materialidade e inconsistência contra Lula no processo que tramita em Brasília e que apura eventual obstrução de Justiça _tentativa de impedir a delação premiada de Nestor Cerveró, ex-diretor da Petrobras", diz Kennedy.

Segundo o jornalista, as indagações sinalizaram que o processo estaria todo baseado na palavra do ex-senador Delcídio do Amaral. "O ex-presidente deu um depoimento de impacto ontem, negando com veemência as acusações de Delcídio e respondendo com seguranças às perguntas, algumas delas até pueris. Ele obteve uma vitória política e jurídica", afirma.

Kennedy Alencar disse também que a divulgação de que a cúpula do governo Michel Temer e de seus principais aliados no Congresso estão na ?Lista de Janot enfraquece a agenda de reformas no Congresso. "Os detalhes sobre os ministros que serão investigados dirão se eles terão condições de permanecer nos seus cargos. Insistir em mantê-los poderá ter um custo alto, paralisando a agenda de reformas no Congresso ou tirando poder de negociação do governo para votar as mudanças na Previdência", afirmou. Leia na íntegra a análise no Blog do Kennedy.

                      Assista o depoimento do LULA

Publicado no Brasil247



              


Nenhum comentário: