segunda-feira, 6 de março de 2017

PARA 84% DOS BRASILEIROS, PAÍS SEGUE NO RUMO ERRADO


            

Cerca de 84% dos brasileiros consideram que o País está no rumo errado, revela a pesquisa “O Brasileiro e a Política”, pelo Instituto Locomotiva, do economista Renato Meirelles; o levantamento mostra o enorme distanciamento entre os cidadãos e a classe política, fenômeno que não é novo mas que vem à tona em números atuais; “Os dados, no conjunto, mostram que o descolamento entre dirigentes e opinião pública nunca chegou a um patamar tão grande”, resume Meirelles sobre a sondagem, que apresentou; “O que temos hoje, no País, é um caminho sem volta, que só se resolve quando se repactuar um novo modelo para gerir a sociedade”, constata o pesquisador

247 - Para 84% dos brasileiros, o País está no rumo errado, revela a pesquisa “O Brasileiro e a Política”, pelo Instituto Locomotiva, do economista Renato Meirelles.

O levantamento mostra ainda que 96% acham que o País vive uma crise, considerada grave para 75% dos brasileiros; resultado mostra o enorme distanciamento entre os cidadãos e a classe política, fenômeno que não é novo mas que vem à tona em números atuais.

“Os dados, no conjunto, mostram que o descolamento entre dirigentes e opinião pública nunca chegou a um patamar tão grande”, resume Meirelles sobre a sondagem, que apresentou. “O que temos hoje, no País, é um caminho sem volta, que só se resolve quando se repactuar um novo modelo para gerir a sociedade”, constata o pesquisador.

As informações estão em entrevista concedida a Gabriel Manzano, da coluna de Sonia Racy.

"Essa nova realidade não apareceu de repente, diz Meirelles. 'Já em 2014, um terço do eleitorado nacional voltou em Dilma, um terço em Aécio e um terço não votou – essa foi a soma de nulos, brancos e abstenções. Assim, qualquer que fosse o vencedor teria contra si dois terços do Brasil.'

"Foi principalmente a partir de 2013, quando a cidadania mudou sua régua de qualidade, tornando-se mais exigente com as autoridades. O que impressiona é como a classe política desprezou a importância disso. Até hoje ela não enxerga direito a situação. "

Vendo sala comercial próximo a paulista metro brigadeiro



              

Nenhum comentário: